Ovos no Purgatório

Uma receita que já está na terceira geração, minha avó Angelina fazia, minha mãe também, e quando criança eu achava a maior graça nesse nome.

Aproveitando que a minha mãe veio de Poços para uns dias aqui em casa, resolvemos fazer.

É muito simples. Tudo o que você vai precisar é de um monte de batatas cortadas em rodelas grossas, um pouco de cebola, um ovo para cada pessoa que for comer e molho de tomate o suficiente para cobrir tudo.

Comece refogando as cebolas em rodelas, com os temperos de sua preferência. Aqui sempre vamos de muito alho e orégano, além da salsa no fim.

Assim que a cebola começar a ficar transparente coloque as rodelas de batata por cima e acrescente o molho de tomates até cobrir as batatas.

Tampe a panela e mantenha em fogo baixo até que as batatas estejam macias. Se necessário acrescente água ou um pouco mais de molho.

Quando as batatas estiverem macias, retire algumas para fazer espaço na panela e quebre um ovo cru em cada espaço, lembrando que deve ter um para cada pessoa.

Aguarde o cozimento completo dos ovos e sirva, um ovo, algumas batatas e molho. Esse é um prato que não precisa de mais nada para ficar bom, mas pode acompanhar com um arroz e uma salada.

Essa é uma comida de pobre, mas a gente pode enriquecer colocando carne moída, linguiças, ervilhas, palmito, lascas de frango ou o que a sua imaginação mandar.

Bem quente, delícia de comidinha simples, barata e de sustância. Recomendo. Ah, não esqueça da salsa no final e se tiver e puder, um tantão de queijo ralado por cima não faz mal a ninguém. Dá uma olhada na foto e confessa que você vai agora mesmo pra cozinha para fazer esta comidinha :)

11 comentários:

  1. Bom dia Paula, amei a simplicidade da receita e vou fazer hoje para o almoço, obrigada, abraços carinhosos de Maria Teresa

    ResponderExcluir
  2. Agora, agora não. Só mais tarde.O difícil vai ser segurar a água na boca. Deveria chamar ovos no paraíso.

    ResponderExcluir
  3. Maria Teresa, realmente a receita é simples, mas vc pode incrementar... Depois me conta como ficou?

    beijo!

    ResponderExcluir
  4. Lili, é verdade, ovos no paraíso soa melhor rsrsrsr

    Sempre me surpreendo com a versatilidade desse ingrediente, dá para fazer miséria com ovos!!

    beijo

    ResponderExcluir
  5. Oi Chará!

    Adoro seu blog. Sempre que posso dou uma passadinha por aqui. Tenho uma receita parecida com essa no meu blog. Chamei de ovo poché temperado, mas minha mãe chama de moqueca de ovo. Interessante isso né? Cada um na sua região com suas receitas e sabores diversos com algo em comum.

    Beijos

    Paula

    ResponderExcluir
  6. Paulinha, é verdade!! Em todos os cantos da nossa terra tem algo especial!

    Obrigada pela companhia, comente sempre.

    beijo pra vc e pra sua mamma!

    ResponderExcluir
  7. Não sabia que os ovos no purgatório eram assim. Minha mãe fazia um prato com legumes e ovos na frigideira, cujo nome preciso perguntar a ela, porque não me recordo.
    Esse prato tem memória afetiva e isso tem um valor inestimável.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  8. UAU!!! Delícia é pouco para essa maravilha numa hora dessas!!! Imagina se não vou dar um pulinho no mercadinho ao lado só para pegar umas batatas! beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai sim, Rô!! Vale super a pena, por que fica di-vi-no!!

      beijoooooo

      Excluir
  9. Respostas
    1. Que bom que você gostou!! Essa receita é perfeita para um domingo =)


      beijosssssss

      Excluir

Os comentários serão lidos e depois publicados.
Estou com minha mãe internada, hoje é 24 de agosto de 2016. Graças a Deus ela já está aqui na minha casa, hoje é 10 de outubro! Estou respondendo os comentários aos poucos, então.. tenha paciência comigo rsrs. Obrigada!! Beijosssssssss



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Protetora da Cozinha do Quintal

Santa Clara

Santa Clara
Ilumine nosso caminho!

Ajude a FIC

Fraternidade Irmã Clara

Conheça uma casa especial
para crianças especiais!!

Blogs Brasil

Direitos Autorais

É proibido fazer cópias do conteúdo (imagens, textos, etc) da Cozinha do Quintal. Plágio (copiar) é crime previsto no artigo 184 do Código Penal Lei 9610.