Porquê é importante testar a receita antes de sair vendendo?


Vocês não sabem, mas o que eu recebo de emails falando que a receita x ou z não dá certo é brincadeira. Daí fico naquele tricô, perguntando se a pessoa fez isso, fez aquilo, tentando adivinhar o que deu errado...

Todas, eu disse todas, as receitas que você pensa em vender precisam ser testadas antes. Isso porque existem milhares de variações (tá bom, milhares já é um exagero) que precisam ser vistas para que dê tudo certo.

Por isso eu trouxe hoje este caso concreto de uma quiche que vi no blog Naco Zinha da minha amiga Gina. 

Veja o dela:

http://www.nacozinhabrasil.com/2011/11/quiche-de-ricota-com-espinafre.html 
Quiche de Ricota com Espinafre, da Regina Castro, Blog Naco Zinha


Agora olha a minha:


Eu segui a receita da Gina mas o resultado final foi diferente, não só por causa do recheio que eu usei, mas em tudo: no tamanho, na aparência da massa, na quantidade de recheio. Repare bem!

Assim, fui anotando as diferenças para que a próxima vez a quiche fique melhor.

A massa é ótima, ficou excelente. As minhas observações foram para outras coisas:

1. Por exemplo, minha forma é grande demais para essa receita, LOGO precisarei usar uma menor ou dobrar a receita.

2. Minha massa ficou branquela porque esqueci de passar gema. Na próxima não vou esquecer. Embora a Gina não pincele a massa dela eu acho que ficaria com melhor aspecto na minha, por isso vou testar.

3. Meu recheio foi muito pouco, a torta ficou baixinha, vazia. Para que o recheio fique da mesma altura da massa, que é o ideal, vou precisar colocar mais.

4. Os ovos que são colocados sobre o recheio também não foram suficientes para dar o volume correto. Então, se eu usar uma forma menor pode ser que isso seja resolvido, ou vou ter que acrescentar mais ovos ou usar ovos maiores.

Como vocês viram, muitas coisas influenciam o resultado final da receita. O que a gente deve considerar sempre: usar a melhor farinha possível, usar ovos frescos e em temperatura ambiente, não esquecer processos como passar gema nas bordas se for o caso, observar atentamente a quantidade de recheio em relação ao tamanho da torta, o tempo de forno.

Mesmo que você utilize uma receita super bem explicada, como a da Gina, é importante fazer e observar o resultado como se você mesma fosse comprar. Pergunte-se: está bonito? Transmite qualidade? Eu compraria?

E por fim, por favor: antes de vocês lotarem a minha caixa de email perguntando sobre determinada receita, façam um teste com ela e vejam as dificuldades que aparecem e as diferenças que vocês encontram. Desse jeito eu vou ter mais condições de saber o que pode ter dado errado e assim, ajudar na solução. Ou, o que é melhor, vocês mesmos vão perceber o que deu errado e vão conseguir acertar os detalhes sozinhos, o que é muito mais legal, não é? 

Descobrir os problemas, corrigi-los e fazer esse negócio dar certo é uma baita massagem no ego, a gente se sente bem, capaz!

Claro que eu vou continuar a responder cada email que recebo, mesmo que não seja no mesmo dia, nem na mesma semana (desculpem, viu? é que são muitos, muitos e eu quase não dou conta).

Ah e só pra terminar: essa quiche é deliciosa! A massa é super simples, poucos ingredientes, corre lá no blog da Gina e faça, você não vai se arrepender.

Blog Naco Zinha

0 comentários. Comente também!:

Postar um comentário

Os comentários serão lidos e depois publicados.
Estou com minha mãe internada, hoje é 24 de agosto de 2016. Graças a Deus ela já está aqui na minha casa, hoje é 10 de outubro! Estou respondendo os comentários aos poucos, então.. tenha paciência comigo rsrs. Obrigada!! Beijosssssssss



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Protetora da Cozinha do Quintal

Santa Clara

Santa Clara
Ilumine nosso caminho!

Ajude a FIC

Fraternidade Irmã Clara

Conheça uma casa especial
para crianças especiais!!

Blogs Brasil

Direitos Autorais

É proibido fazer cópias do conteúdo (imagens, textos, etc) da Cozinha do Quintal. Plágio (copiar) é crime previsto no artigo 184 do Código Penal Lei 9610.