Blogagem Coletiva: Piratas do Brasil





O único pirata bonitinho é o Johnny Deep do Piratas do Caribe. Só que ele é um personagem de ficção, não é real. Mesmo assim, se você parar para pensar, ele mente e rouba como qualquer pirata.



Quem resolveu botar o dedo na ferida novamente foi a Elaine Gaspareto, com um post lúcido sobre o assunto que você deve ler aqui.

Já falamos disso na Cozinha, leia o meu post sobre o "panelaço" que fizemos contra a falta de respeito na web aqui, falo disso o tempo todo, porque é um absurdo o que se faz e é preciso esclarecer e tomar as devidas providências.

As pessoas vão para as ruas reclamar e protestar contra um governo comprovadamente corrupto, ao mesmo tempo em que aceitam material alheio que é gentilmente "compartilhado" por nobres, por pessoas que querem reconhecimento pela caridade que estão fazendo ao ofertar conteúdo que não lhes pertence, como se fossem os distribuidores de bênçãos, e que muitos agradacem, pedem a Deus que abençoe e outras barbaridades semelhantes. Isso para mim é hipocrisia.

Muita gente me escreve reclamando das minhas apostilas, que não podem ser impressas, nem copiadas. Ora, se você não concorda com os meus termos de uso do material, é muito simples: não compre. É assim que eu quero e é assim que me cabe o direito de fazer. Da mesma forma no meu blog, não pode copiar. Se não está de acordo, procure outro.

Plágio, cópia, pirataria é CRIME, está no Código Penal, é fácil de comprovar e fácil de encontrar. A Justiça nesses casos funciona, o google funciona com as denúncias que fazemos, enfim, só pra resumir: fica feio para quem faz, fica feio para quem aceita!

Se você ainda não se convenceu, pensa assim: um belo dia eu vou na sua casa e resolvo trazer comigo algo que você tem. Pode ser uma coisa simples, como a almofada do seu sofá, pode ser algo mais importante, como o seu cachorro. Saio com ele debaixo do braço. E aproveito e dou para a primeira pessoa que aparecer na minha frente, porque, gente, coitada, ela não tem almofada nem cachorro, não tem condições para comprar!!! O que você faria?

Há um tempo atrás estava em um grupo no facebook e estavam disponibilizando apostilas do  Jurandyr Afonso. Quando eu falei que não podia, que tinha direito autoral, me excluíram do grupo.

E você pode dizer, ah mas que mal há se eu não vou revender? Não importa, você está recebendo algo que uma pessoa faz para vender, não para doar. Se fosse para doar, estaria definido, como tem milhões de coisas gratuitas que você pode baixar na internet (aqui mesmo no blog tem!!), mas o trabalho dele não, assim como o meu também não... Mesmo que não seja para revender. Mesmo que você vá ler de madrugada, sozinha na escuridão. Não pode. E receber esse material faz de você um conivente, um receptador. Ruim, hein?

O facebook é pródigo nisso, ele espiona tanto a nossa vida mas ainda não se deu conta desse detalhe, eu só digo o seguinte: com o tanto de reclamações de roubo de fotos, de conteúdo, breve será o dia em que o próprio facebook exigirá autenticação de autor para tudo.

Esta semana mesmo descobri uma empresa de fachada, uma falsa editora, que vende ebooks de todos os assuntos que tratamos aqui por 9,90. Quando comprei e recebi o material, a decepção foi inversamente proporcional ao preço, um jeito bonito de dizer que o material é um lixo. Como diz a minha avó, que Deus a tenha: quando a esmola é muita, o santo desconfia. Ou seja, além de copiar conteúdo alheio e vender como se fosse próprio, ainda lesa as pessoas por não entregar qualidade: não tem uma foto, não tem um passo a passo, nem uma explicação real, é só blá blá blá copiado aqui e ali.

Só para encerrar o post e não o assunto: não faça parte dessa quadrilha. Não aceite nem receba material alheio que está à venda de maneira gratuita, não compartilhe o que não é seu para compartilhar, mesmo que seja uma revista, um livro, uma foto de autoria desconhecida, continua sendo o mesmo: pirataria.

Não copie material alheio, qualquer que seja: um artigo de revista, um trecho de livro, uma letra de música, uma foto de comida, um post de um blog, uma apostila à venda ou não. Se você não sabe como fazer, não faça. Se quer divulgar, pergunte ao dono da informação, saiba como pode fazer e não saia por aí distribuindo e muito menos falando que é seu. Não pode. É crime, é feio, e se for o meu material, vai ficar mais feio ainda, olha só:

Art. 102. O titular cuja obra seja fraudulentamente reproduzida, divulgada ou de qualquer forma utilizada, poderá requerer a apreensão dos exemplares reproduzidos ou a suspensão da divulgação, sem prejuízo da indenização cabível.

Art. 103. Quem editar obra literária, artística ou científica, sem autorização do titular, perderá para este os exemplares que se apreenderem e pagar-lhe-á o preço dos que tiver vendido.

Parágrafo único. Não se conhecendo o número de exemplares que constituem a edição fraudulenta, pagará o transgressor o valor de três mil exemplares, além dos apreendidos.

Art. 104. Quem vender, expuser a venda, ocultar, adquirir, distribuir, tiver em depósito ou utilizar obra ou fonograma reproduzidos com fraude, com a finalidade de vender, obter ganho, vantagem, proveito, lucro direto ou indireto, para si ou para outrem, será solidariamente responsável com o contrafator, nos termos dos artigos precedentes, respondendo como contrafatores o importador e o distribuidor em caso de reprodução no exterior.

Informe-se, entenda a Lei do Direito Autoral.

E você, o que acha? Já foi vítima disso? Conte aí nos comentários, vamos ampliar a discussão. Quer participar? Escreva um post no seu blog com o mesmo título ou algo bem parecido e dê a sua opinião, conte a sua experiência. Pode deixar o link do post nos comentários também.


2 comentários:

  1. Gostei muito da sua postura, devemos respeitar e ter muito cuidado
    com os direitos das pessoas. Ninguém pode se apropriar do que
    não é seu, para distribuir como se dono fosse.
    Embora tenha para compartilhar, muitas vezes, tenho receio, não
    sei se a pessoa gosta, mas gostei de sua colocação, agradeço,
    abraços carinhosos
    Maria Teresa

    ResponderExcluir
  2. Estou escrevendo a respeito, mas uma coisa já adianto, dito por uma Bruxa amiga minha, com muita propriedade: "é próprio da Luz atrair o combate".
    Se te copiam, algo de bom você está fazendo!
    Agora é fazer melhor desmotivando a cópia!
    Beijos!

    ResponderExcluir

Os comentários serão lidos e depois publicados.
Estou com minha mãe internada, hoje é 24 de agosto de 2016. Graças a Deus ela já está aqui na minha casa, hoje é 10 de outubro! Estou respondendo os comentários aos poucos, então.. tenha paciência comigo rsrs. Obrigada!! Beijosssssssss



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Protetora da Cozinha do Quintal

Santa Clara

Santa Clara
Ilumine nosso caminho!

Ajude a FIC

Fraternidade Irmã Clara

Conheça uma casa especial
para crianças especiais!!

Blogs Brasil

Direitos Autorais

É proibido fazer cópias do conteúdo (imagens, textos, etc) da Cozinha do Quintal. Plágio (copiar) é crime previsto no artigo 184 do Código Penal Lei 9610.