Ovos no Purgatório ou comida do conforto

em 2 de dezembro de 2015

Ovos no Purgatório, comida de conforto!

Esta é uma comida que tem repeteco garantido aqui em casa, assim como o kibe, postei semana passada o meu kibe assado, confira: Kibe de Bandeja Passo a Passo

Já postei aqui faz tempo, e nesse post antigo tem a história deste prato, se você quiser ler, relembre: Ovos no Purgatório

Adoro receitas assim, sem muita medida, meio que no humor que a gente estiver no dia, sempre dá certo, sempre fica bom.

O que você precisa:

- um monte de batatas (uma batata grande por cabeça)
- um ovo por cabeça
- molho de tomate para cobrir tudo
- azeite, cebola, alho, tempeiros a gosto

Comece cortando as batatas em rodelas grossas de mais ou menos um dedo (amou a precisão? rsrs). Coloque em um panelão cheio de água fervendo, uma pitada de sal. Amaciou, retire. 

Em outra panela prepare o molho: refogue alho, cebola e seus temperos preferidos e coloque o molho de tomate. Deixe cozinhar um tempo, certo? Panela semi-tampada, fogo baixo. Escute uma música enquanto isso...

Molho pronto? Abra um ovo para cada pessoa dentro do molho. Mantenha o fogo baixinho, ameno, para cozinhar os ovos com carinho. Isso vai uns 10 minutos, depende do ponto que você gosta o seu ovo.

Retire os ovos e coloque em um prato. Acrescente uma colher de sopa de manteiga e você terá um molho aveludado e delicioso.

Coloque as batatas cozidas na panela com o molho, misture para envolver, com cuidado para não quebrar as batatas. Volte os ovos para a panela.

Sirva uma porção de batatas com o molho e um ovo por pessoa. Um fio generoso de azeite e se tiver, gostar e puder, muito queijo parmesão para completar.

Perfeito para um domingo à noite, para o dia em que a geladeira está minguada ou para aquela segunda sem carne. Claro que você pode incrementar: ervilhas, bacon, linguiças, carne assada que sobrou, frango desfiado, palmito, cogumelos, ou o que tiver e a sua imaginação mandar.

Bem quente, é como um abraço. 

Comida de sustância e super simples: Ovos no Purgatório

Pode colocar umas azeitonas também, assim como bastante salsinha picada, fica tudo de bom. 

Comida de sustância e de verdade não precisa ser chique, só precisa ser gostosa e de qualidade. E se for receita de vó, melhor ainda, né?



Um comentário:

  1. Oi Paulinha!!
    Vou te contar uma coisa me deu fome a esta hora, kkk, ou melhor iria muito bem agora e com um pedaço de pão italiano, hummm!! que delicia.

    Bjs

    Tânia Camargo

    ResponderExcluir

Os comentários serão lidos e depois publicados.
Verifique se a sua dúvida já foi respondida nos comentários anteriores. Se preferir, mande um email pra mim no paulamellomorgana@hotmail.com
Comentários mal educados, preconceituosos ou com propaganda são excluídos. Encontrou um erro ou informação faltando? Me avisa? Obrigada!! beijossssssss



Subir